Manuscritos Medievais

Esta é uma edição fac-símile estritamente limitada a 550 cópias numeradas do Hagadá Rothschild, parte de uma coleção medieval maior conhecida como o Miscellany Rothschild. O belíssimo e amplamente decorado Rothschild Hagadá , escrito em 1479, no norte da Itália, é parte maior de um manuscrito medieval iluminado conhecido como Miscellany Rothschild que se encontra na coleção do Museu de Israel.

A maioria dos livros medievais são preservados em bibliotecas de pesquisa, em virtude de sua importância histórica e seu manuseio requerer o auxílio de um profissional ou especialista no assunto, geralmente historiadores. Mas esses, livros, manuscritos, estão tornando-se mais acessíveis a cada dia por recursos on line, internet. Entretanto, também requer o auxílio de um conhecedor capacitado para que o objeto pesquisado realmente seja o documento histórico a que procuramos; um manuscrito medieval.

A rigor, qualquer documento escrito à mão é um manuscrito, do latim manuscriptus significa literalmente “escrito” (scriptus) “à mão” (manu). Assim cartas, pergaminhos, fragmentos e livros são considerados manuscritos. Mas são os livros que comumente são referidos como manuscritos. Um livro medieval ou códice, a palavra latina para ”tronco de árvore”, usado porque os primeiros livros eram feitos de tábuas de madeira revestidas com cera, similar ao método de hoje em dia, o livro moderno, mas em vez de produzir várias cópias, os escribas medievais não tinham os recursos para “editá-los”, em várias cópias, infelizmente. Os textos, as iluminuras, eram feitos a mão, minuciosamente elaborados e requintados de acordo com a vontade do patrão, patronos. E eram os patronos que determinavam o número de cópias que deveriam ser feitas, geralmente para presentear e se vangloriar do patrocínio. Era documentos belíssimos, incrivelmente decorados, uma luz aos olhos pela delicadeza e dedicação do escriba e iluminador.

Ele ou ela (havia escribas mulheres na Idade Média) podiam reunir uma série de textos que não são encontrados juntos em nenhum lugar, pois a sua originalidade era única. As cópias nunca continham os mesmos itens do original, mas seguidamente eram corrigidos para que nenhum detalhe passasse errôneo ao manuscrito original e que fossem percebidos àqueles que o adquirissem. Mas todo e qualquer manuscrito contém surpresas e desafios e que vale um olhar cuidadoso.

Manuscritos medievais são geralmente expostos em grandes bibliotecas de pesquisa, apesar de serem encontrados em coleções particulares, catedrais, faculdades e em residências privadas. Há grandes coleções, na Europa estão as principais. Destaca-se a da Biblioteca Britânica, em Londres, as várias bibliotecas de Oxford e da Bibliothèque Nationale da França. Algumas bibliotecas norte-americanas também possuem coleções significativas como: E. Henry Huntington Library, na Califórnia e da Biblioteca Newberry, em Illinois. Nunca tive em minhas mãos a oportunidade de pegar uma raridade tão linda destas, mas quem sabe um dia eu não tenha essa oportunidade de manusear essa maravilha do mundo medieval. Delicio-me navegando pelas bibliotecas do mundo, pesquisando esses preciosos documentos e tentando repassar àqueles que o desconhecem. Como se fossem tesouros, essas raridades maravilhosas, estão lá enterradas na internet, e eu as garimpo com dedicação e com a maior dedicação, pois as amo. Espero encontrá-las no maior número possível e colocar em meu site e blog para que vocês apreciem, tenho certeza que vão gostar.

O Lutrell Psalter escrito e iluminado no segundo quarto do século XIV: contém os salmos, e cantigas, calendários e as festas das igrejas e seus festivais e dias dos santos para as respectivas rezas e outras liturgias.

VISITE O MEU SITE http://www.idademediaimagenscotidiano.com.br/

Paulo Edmundo Vieira Marques

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s